Verde e Amarelo

 

Estes últimos dias temos visto um imenso mural em verde e amarelo pelas ruas não só de São Paulo, mas de todas as cidades brasileiras, um forte som de vuvuzelas, buzinas envenenadas, um grito querendo sair de nossas gargantas, quase que um ritual antes e após as partidas dos jogos da nossa seleção, nem tão querida por alguns, mas conformados, já que estão lá que façam seu melhor! Pessoas gastando o que não tem, deixando de lado algumas tristezas para enfim viverem uns momentos de alegrias, mesmo que sejam por apenas 90 minutos. Lojas entupetadas de gentes, os centros comerciais envolvidos até as mínimas coisas estão verdes ou amarelas: unhas, cabelos, chapéus, roupas, produtos de cama, mesa e banho, tudo que se possa imaginar ou não.

A cidade para pra ansiosa compartilhar pouco mais de um mês, mesmo que seja a cada 4 anos ! Expectativas e boas vibrações se acumulam em cada esquina, e daí? Não foi desta! Quem sabe em 2014, em nosso país, terá mais preparo uma responsabilidade maior nos espera!

 

youtube=http://www.youtube.com/watch?v=9I4-li6n34k]

Published in: Sem categoria on 6 de julho de 2010 at 22:51  Deixe um comentário  
Tags: , ,

Cirurgia plástica: sim ou não?

No campo da cirurgia plástica, cada vez mais sua evolução se torna evidente. No Brasil temos Ivo Pitanguy, que se tornou um homem muito bem sucedido nesse ramo. Fez inúmeras cirurgias nas estrelas de TV, sempre muito requisitado e respeitado. Contrário de Ivo, existem cirurgiões que anda fazendo horrores em clientes, às vezes ficando irreparáveis, os estragos. Para fazer uma,o cliente tem que pesquisar, ver com os conhecidos, colegas, conversar com pessoas que já  estão no pós- operatório, para ver com foi o procedimento.

 De forma alguma,confiar em publicidade, de cartazes que mostram uma bela mulher, dando a entender que a pessoa ficará idêntica, quando realizar a tão sonhada cirurgia. Com a facilidade de pagamento hoje em dia, as pessoas mergulham nessa oportunidade, até mesmo sem pensar nas conseqüências. Penso que dificilmente um profissional faz um excelente trabalho e uma pessoa  e ruim em outra. O negócio mesmo é estar bem atento aos quesitos que existem pra uma boa cirurgia, para quem deseja usufruir desse “meio” de beleza.

 É de total importância consultar a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP) ver se o médico é recomendado e especializado. A plástica está aí para melhorar diversos campos de vida de uma pessoa, não para acabar com os sonhos e o desejo de viver, como acontece com muitos que teve uma experiência marcante  cravada em seu próprio corpo.Cabe cada um fazer uso correto, com responsabilidade e sobriedade e ser feliz.

 

Jovens Mães: Consumo do Excesso de Liberdade

Hoje em dia é muito comum encontrarmos meninas gestantes e outras já com seus bebês nos braços. é muito comum porque elas estão numa sociedade mais liberal do que as meninas de antigamente, no tempo da minha avó, da minha mãe e até a minha geração era uma ofensa muito grande engravidar antes do casamento, isso não quer dizer que não tinham intimidades com os namorados, mas tinha que ser muito bem feito pra não ser descoberto (risos)! Mas atualmente é muito comum pais permitirem que suas filhas durmam com seus namorados dentro de casa pra não fazer coisas erradas na rua, tenho certeza de que essa não é a melhor forma de ser liberal com os filhos, pois a adolescência é uma fase de mudanças de opiniões e a maioria dos relacionamentos não duram muito. Aí ocasiona a gravidez precoce, claro, isso não quer dizer que ainda há aquelas que transam sem o consentimento de seus pais, acham que estão prontas mas se esquecem de diversos fatores inclusive da prevenção. O cara chega falando que ama, que quer estar a seu lado sempre e a bobinha acredita, isso não é só com menininhas não tem muita mulher madura caindo nessa conversa, então ela se entrega e aí pronto. Claro que dentre essas possibilidades, muitas inconsequentes, geram seu bebê que não pediu pra  vir ao mundo e quando ele nasce, ela joga ele fora, mata, doa, etc. Aquelas que enfrentam mesmo a situação mesmo sozinhas sem o apoio do suposto pai da criança. Essa amadurecem mais cedo, passam por dificuldades horríveis, pois eu vejo que mesmo casada, com o pai do meu filho as coisas nem sempre são flores. Essas merecem uma atenção especial pois deixam seus bebês de brinquedo para brincar com um bebê de verdade, deixam de lado suas liberdades, desejos, e até esperanças pra entrar num caminho que jamais terá fim, pois homens temos vários, que vem e que vão, mas filhos são pra sempre não importando suas idades!

Conte sua  história, dixe seu comentário. Abraços e até a próxima. 

 
   
   
   
   
   
   
   
   
 
   
   
   
   
   

    

 

Published in: on 11 de junho de 2010 at 11:33  Deixe um comentário  
Tags: ,

Substituição de valores

 Estamos no  século XXl, onde o avanço, a tecnologia , cada dia nos assedia para adquirir coisas materiais. A televisão, internet, revistas etc.. nos empurram a cada dia em busca de “satisfações de momento” . Quem é que não gosta  de comprar roupas,sapatos,adereços e coisas que nos sentimos bem. Pensando no consumo masculino, o carro que fica no topo, o venerado futebol, aquela tv que todos adorariam agora para ver a copa. Antes a de 21 ” estava  bom, mas já está lá, a publicidade, a propaganda, já está conquistando muita gente a comprar a tv tela plana, full HD. Com a facilidade de pagamento, em diversas vezes, o consumidor fica tentado e nem pensa que as vezes terá que regrar umas coisas para pagar a tal tv. Os grandes empresários desse meio, sabem muito bem que, o ser humano não se contenta, quando lança uma mercadoria é aquela “febre” e logo depois, e não precisa passar muito tempo, as pessoas já estão se desfazendo do adquirido e adquirir a do “momento”. Se o ser humano amasse mais,respeitasse mais,desse valor a pequenas coisas, que são de grande valia, não estariam com esse “buraco” dentro de si, necessitando de coisas materiais para preencher-se.

Published in: on 11 de junho de 2010 at 11:05  Comments (2)  
Tags: , ,

As conseqüências do cigarro no desenvolvimento do ser – humano

 

     

Ainda na juventude os jovens são muito influenciados a descobrir algo novo, nas escolas, passeios, na mídia, sem pensar que certas atitudes podem trazer sérias conseqüências pelo resto da vida.

A única relação      entre o jovem e o cigarro é a vontade de se descobrir o desconhecido. O cigarro é um vício que normalmente começa na juventude, nos anos em que se deseja descobrir tudo á nossa volta. Infelizmente que muitos jovens não têm a consciência que o cigarro também é droga e pode matar

Muitos jovens sentem-se livres e independentes com um cigarro na boca, mas na verdade por detrás dessa máscara se encontra uma pessoa vazia e influenciável que fuma para se destacar e chamar atenção da sociedade. 
Esses jovens que ao experimentarem fumar um cigarro uma vez não medem mais as conseqüências que ele lhe pode causar danos para toda a vida e para os o cercam. 

O fumo provoca graves alterações da saúde, resultante da inalação de substâncias durante o ato de fumar.
Estamos aqui falando de um vício que mantém 32 milhões de brasileiros dependentes, física e psiquicamente, de uma substância chamada Nicotina. No mundo, são 1,2 bilhão de pessoas dependentes de nicotina, quase 20% dos terráqueos.

Segundo a OMS (Organização Mundial de Saúde) O tabagismo é considerado o maior problema de saúde pública do mundo moderno.

 

 Principais danos:

Não fumantes: O cigarro é prejudicial também para os não fumantes. A expressão “fumante passivo” trata-se da pessoa que aspira, sem fumar, através da fumaça do cigarro de outras pessoas. 
Não há dúvidas de que a saúde e a vida estão do lado oposto ao fumo. Mas parar de fumar é um sacrifício tão grande que a maioria dos fumantes não consegue fazê-lo.
○ A nicotina é uma droga que causa dependência. É isto que torna difícil deixar o hábito de fumar.

○ O cigarro possui substâncias tóxicas voláteis que provocam irritações nos olhos e no nariz 

○ O cigarro também provoca bronquite, tosse, dificuldade de respiração e câncer no pulmão.

Published in: Sem categoria on 11 de junho de 2010 at 10:29  Deixe um comentário  
Tags: , ,

Analisando…

Nesse semestre pudemos avaliar que em diversas áreas da vida do homem, somos levados a agir sob influência, a consumir sob indução, e a almejar um estilo de vida que nos é apresentado de diversas formas pelas mídias que nos rodeiam e que nos persuade a desejar para nossas vidas aquilo que muita das vezes não é necessário.

Abordamos em nosso blog desde a influência da publicidade na alimentação que tem levado muitas crianças, jovens e adultos a terem um comportamento desequilíbrado na ingestão de alimentos, tornando-se á longo prazo pessoas obesas e sedentárias.

A busca pela beleza e perfeição estipulada pelos padrões da moda, que são estampados em dezenas de capas de revistas, com o poder da publicidade, levam diariamente pessoas a serem obcecadas pelo culto ao corpo, vivendo uma vida em função do seu bem-estar. Algumas pessoas chegaram a pagar um alto preço em nome da beleza, chegando a ficar desfiguradas pelo excesso de cirurgias plásticas, a terem depressão e desejo de morte por ingerir medicação e produtos em demasia para perca de peso e até aquelas pessoas que para atingir um padrão de beleza física irreal desenvolveram distúrbios psicológicos e orgânicos que levaram a tornar-se pessoas anorexas, e em casos mais isolados, chegaram até a morte.

Pessoas viciadas em jogo,  em exercícios físicos, em fazer compras e etc, foram o foco do nosso blog. Agora cabe a cada um de nós avaliarmos o nosso comportamento diante de tantas informações que bombardeam as nossas vidas diariamente, e selecionar até que ponto para eu ser feliz eu preciso consumir e adquirir tudo aquilo que a mídia e a publicidade me sugestiona. Pensem sobre isso e revejam seus conceitos de felicidade!!!

A Geração do Bem-Estar

Hoje, em qualquer canal aberto de televisão somos bombardeados com anúncios de produtos que prometem eliminar o nosso peso até chegarmos ao resultado tão desejado. Vivemos em um período em que grande número de pessoas tem buscado qualidade de vida, mas se não tiverem saúde e disposição física, como irão aproveitar seus dias sobre a Terra?

E aí que entra as grandes empresas que produzem em larga escala, um arsenal de produtos a base de chá, de ervas, pílulas, sopas, tabletes, shakes, e outras infinidades de produtos, a garantia de uma vida mais saudável e um estilo de vida melhor.

Porém, o excesso de consumo desses produtos, tem formado pessoas dependentes químicas, com o mesmo efeito que as drogas ilegais produzem, e ao invés de conquistar o seu bem-estar e serem livres, muitos tem se tornado cativos e dependendes.

Uma pessoa compartilhou comigo sua experiência para tentar emagrecer a todo custo, e cometeu uma loucura, conseguindo eliminar mais de 20kg em 40 dias. Ele me disse que nesses 40 dias, sentiu vontade de suícidio, de sumir, se tornou depressivo, não saia para nada do quarto, sentia muita solidão e tristeza na alma. Ao invés de sentir alegria e felicidade por ter perdido peso, o efeito foi o contrário. Me contou que valeu a pena, mas por pouco não ficou louco. Será que vale a pena tanto sacrifício?

Existem dicas simples que todos nós podemos praticar e que já conhecemos, e que ao executá-las, em nenhum momento estaremos colocando nossas vidas em risco, e com certeza obteremos bons resultados sem precisar consumir tudo aquilo que a mídia nos sugestiona.

 Dicas para obter bons resultados á custo zero: caminhada, prática de exercícios físicos, eliminar consumo de frituras, massas e doces, que além de contribuir para a perca de peso, nos dará uma vida mais saudável.

Agora é preciso coragem, determinação e ao invés de prometer que irá começar aquele “regime” na segunda-feira ou entrar na academia na semana que vêm, tome logo uma atitude, comece hoje !!! Boa Sorte!!!

Quem foi que disse que tem que ser magra pra ser gostosa?

Como dizia o cantor Roberto Carlos, “quem foi que disse que tem que ser magra pra ser gostosa (cheirosa ou formosa)?” , eu me arrisco também a concordar. Apesar de muitas gordinhas estarem insatisfeitas com sua silhueta, ainda existem aquelas que se arrumam, que não dispensam uma roupa  mais sexy, claro que algumas abusam dos decotes e das tranparências se mostrando muito mais vulgar do que sexy. Eu acredito que nós gordinhas temos sim nosso valor, nossa marca, não precisamos de um pedaço de tecido pra mostrar quem somos, mas é necessário, então vamos á elas. Talvez você que está lendo este texto esteja se perguntando: Como me vestirei bem, na moda, se é muito difícil encontrar roupas de tamanhos especiais, em cores legais, de cortes atuais e com preço acessível? Te digo já: – garimpando querida! Não  compre por aí tudo o que vê na frente, procure, experimente, analise se é isso mesmo que você procura. Procure no caso de calças jeans num corte mais reto, em cores escuras, evite os lavados demais, são muito claros e te fará parecer maior do que realmente é e não se esqueça de que ela não deve estar apertada, respire! Também aquelas tipo skine, são terríveis se não estiverem com camisas sobrepostas. Fuja de blusinhas curtas, que deixam a barriginha de fora, além de mostrar o que você quer esconder me desculpe, é ridículo!   Camisas também, compre-as em um número que feche todos os botões e te deixe á vontade. Claro que cada uma faz seu guarda roupas da maneira que  mais  lhe agrada, mas tome alguns cuidados pra não passar apuros. Eu particularmente gosto de terninhos, tayers, casaquinhos, vestidos de cores sóbrias pra ocasiões mais especiais, mas cuidado dependendo das estampa ou das cores podem detonar seu visual. Não esquecendo também das lingeries, que elas também tem que receber atenção especial , elas são uma  espécie de estrutura do que estará por cima. Por isso amigas leitoras, gordinhas, gostosas e sexys, vamos mostrar que nós podemos sim combater o preconceito, dar a volta por cima, nos arrumar e elevar nossa auto-estima! Abraços e até a próxima .

Published in: on 9 de junho de 2010 at 18:42  Comments (1)  
Tags:

Quando o jogo torna-se uma obsessão

As casas de bingo é uma grande ameaça á população onde as pessoas ficam vulneráveis á compulsão, para o jogo.

Levando homens, e mulheres a ilusão do ganho fácil aos poucos vão se viciando sem perceber, o aumento de tempo, e dinheiro gasto no jogo deixando os compromissos do lar, de pagar as contas, com isso começa as brigas familiares e a perder tudo. O dinheiro ganho no jogo agora e utilizado para jogar, mas assim sendo comprometendo toda a fonte de renda ao perceber que está totalmente endividado, o jogador ou jogadora senti-se desesperada embora tenha vontade de parar de jogar ela não consegue virando um ciclo vicioso, tendo consciência de que tem que pagar suas dividas de recuperar a paz família, a harmonia e o respeito junto aos amigos, a necessidade de recuperar o que já se perdeu é o que separa o jogador compulsivo daquele que joga por lazer.

É muito comum os jogadores compulsivos terem depressão e transtornos de ansiedade. O jogador geralmente fuma muito. Eles ficam muito tempo parados em uma atividade, fumam um atrás do outro eles perdem a noção, é parecido com droga. Entram em um bingo e esquecem-se da vida.

Centros de Ajuda aos compulsivos anônimos

Novo grupo de jogadores anônimos no bairro do Butantã:

Reuniões: terça-feira  20:00 H

Local: Av. Vital Brasil, 1185 – Butantã – São Paulo – SP

Igreja Nossa Senhora dos Pobres (Prox. Ao portão do instituto Butantã)

ERS JAB Escritório Regional de Serviço de Jogadores Anônimos do Brasil

Rua: Guaporé, 205 – Bom Retiro – São Paulo

Tel.: 011 3229-1023

Email: jogadoresanonimossaopaulo@gmail.com

www.jogadoresanonimos.com

Published in: on 8 de junho de 2010 at 15:47  Deixe um comentário  
Tags: , , ,

Homem e cirurgia plástica

A cada dia o homem está dividindo o espaço na beleza com a mulher. Era raríssimo ver um homem em salão de beleza, menos fazendo cirurgia plástica. Vem crescendo a procura masculina nas clínicas, eles estão cada vez mais vaidosos. A procura maior é a lipoaspiração, na faixa dos 30 a 40 anos, a ginecomastia, plástica no nariz e correção de orelhas de abano, na faixa dos 20 anos e implantes capilares e ritidoplastia (plástica na face) na faixa dos 40 a 50 anos.

 

Diferente das mulheres, o homem que busca uma cirurgia plástica hoje, vai mais tarde à uma clínica médica pela primeira vez. “Pouco provável que o homem na faixa dos 30,50 anos já tenha feito algum tipo de cirurgia plástica antes.Como o preconceito era maior a procura por esse tipo de procedimento estético era quase nula” comenta o cirurgião Fabrício carvalho.

O que importa realmente é que o homem atual sinta-se bem e que com a grande disputa no mercado de trabalho é sempre provável que escolham aquele que estiver dentro dos parâmetros da  beleza. Se o uso de cremes, esteticistas,ginásticas etc…não estão resolvendo, é válido sim a procura de cirurgia.   A cirurgia plástica está a disposição para qualquer pessoa, independente de cor,idade e sexo.

Published in: on 7 de junho de 2010 at 15:04  Deixe um comentário  
Tags: , ,